Autor

Arquivo do blogue

O Argolão

O objectivo deste adereço é basicamente igual a de um cesto que se usa para recuperar um sargo, dourada, etc, mas tem uma diferença, um cesto quando desce pela seda abaixo e chega à água, é necessário que o peixe entre dentro e só ai puxamos a corda e recuperamos o peixe, com o argolão não, ao descer pela seda abaixo entra directamente na cabeça do safio na posição que desce e sendo um peixe de garro facilita a passagem entre .....

As minhas bóias

Já há algum tempo que andava a magicar como começar a construir bóias tipo peão para a pesca e enquanto não arranjei um bocadinho para me puder debruçar a sério sobre o assunto, não descansei!Como tal pus mãos à obra e começei por procurar em casas de materiais de bricolage o que era indispensável para elaborar as bóias e que o custo final não fosse demasiado dispendioso, em comparação com as bóias que se adquire em lojas de pesca.

Cesto(em processo)

Construção de um cesto para recuperação do pescado em certas situações......

Pescadores com mais liberdade(luz ao fundo do tunel)

Pesca lúdica vai ter novas regras.


Existem mais de 170 mil pescadores lúdicos no País que vão contar com novas regras para exercer a actividade Portuguesa, que integra o grupo de trabalho que vai propor.

Info: CM

Segundo li, uma das alterações é que vai deixar de existir licenças pesca apeada, conforme as capitanias e passar a haver uma unica licença para pesca apeada em todo o país que custará 8€ e mais outras serão revistas o que não é mau.

Voluntários vão limpar Sagres desde a Fortaleza até à Baía da Armação Nova

No âmbito do da iniciativa “Perto dos Cidadãos para um Desenvolvimento Económico Sustentável”, a Comissão Europeia (Representação em Portugal) vai promover ações de limpeza dos pesqueiros lúdicos de Sagres, nos dias 7 e 8 de julho.

O objetivo é limpar e recolher o lixo existente nestes pesqueiros tradicionais, desde a Fortaleza até à Baía da Armação Nova, bem como chamar a atenção para a necessidade de preservar o património ambiental e cultural de Sagres.

Garrafas de plástico e vidro, sacos de plástico, restos de linhas de pesca e caixas de isco em esferovite são alguns dos resíduos que resultam do uso dos pesqueiros na pesca lúdica e de algum turismo menos consciencioso. A operação será desenvolvida por várias dezenas de voluntários, alguns dos quais provenientes da Universidade do Algarve e de Organizações Não Governamentais dedicadas ao ambiente. As ações em falésias ou que impliquem escalada serão executadas pelos monitores.

O evento é aberto ao público. Os voluntários poderão preencher o formulário de inscrição (http://mtp.pt/ce/registo.php) ou no local (concentração às 9.30 horas, no Campo de Futebol de Sagres).

A limpeza dos pesqueiros lúdicos de Sagres tem o apoio de: Turismo do Algarve, Câmara Municipal de Vila do Bispo, Suma, Junta de Freguesia de Sagres, Clube Recreativo Infante de Sagres, Memmo Baleeira Hotel, Orbitur Algarve, Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, Instituto da Conservação da Natureza e da Biodiversidade, I.P, Centro Europe Direct do Algarve e Agência Portuguesa do Ambiente, I.P

Fonte:Região Sul

Pescadores de Fim-de-Semana Ficaram Sem Canas

A Polícia Marítima apreendeu, sábado, seis canas de pesca e apetrechos a pescadores que se encontravam nos molhes norte e sul do porto da Póvoa de Varzim.

A apreensão só não foi maior porque alguns conseguiram escapar. Esta situação levou à revolta dos pescadores de costa que, aos fins-de-semana, escolhem estes locais para desfrutar do seu desporto preferido.

Mas se de manhã a acção policial surtiu efeito, de tarde eram às dezenas as canas de pesca lançadas ao mar, como que provando que esta acção esconde um problema maior: a falta de informação e sinalética de proibição.

Ao percorrermos o molhe sul, ficamos a conhecer David Almeida, da Póvoa de Varzim, também ele pescador nas horas vagas, que estava a recolher assinaturas dos restantes pescadores desportivos, para entregar na Capitania.

Fonte: A Voz Da Povoa

Cuidem-se moços que isto tá bonito!!!

Reportagem TVI "Pesca: uma profissão de risco"

Boas

Mais uma reportagem sobre a costa algarvia aqui.
Algumas meias verdades contadas, mas......

Um abraço