Autor

Arquivo do blogue

Já marcam presença

Com uma semana cheia de boas oportunidades para pôr as canas de molho, não hesitei em ir alguns dias com o meu parceiro Roger, observar o mar para verificar se as condições eram favoráveis e me permitiam passar um bocado do tempo á pesca, quanto mais não fosse só para matar o vicio.

1º dia

A água até tinha bom aspecto, um bocado aberta mas com alguma ondulação o que originava aquela oxigenação, mas..... tornava-se evidente ao longo de alguns lançamentos e alterações de montagem, que o peixe não dava qualquer sinal.

Mais tarde apareceram uns amigos que também já tinham estado noutros pesqueiros e a história era a mesma, "peixe só na praça" e com eles traziam um balde de sardinhas para engodo. Logo depois quando começou a cair as primeiras colheres de engodo ..... começaram a aparecer cardumes e cardumes de cavalas que tomaram conta de nos dar trabalho e como tal foi quem mais pôde apanhá-las.

Resultado: cavalinha escalada na brasa com azeite e alho.


2º dia

Tratámos de ir arranjar aquele isco muito famoso que só se encontra por estas bandas, que é o Ralo e depois como já era tarde fomos logo de seguida á procura de pesqueiro, a maré já tinhas uma quantas horas de enchente e decidimos experimentar um pesqueiro onde houve relatos por parte de amigos pescadores submarinos que havia lá algum peixe e assim foi.

Dirigimo-nos ao local e as condições pareciam boas, excepto o vento que soprava com alguma intensidade o que nos dificultava um bocado, montámos o material e bóias para dentro de água.

Logo nos primeiros lançamentos começaram a sair uns peixes bons e a coisa parecia bem encaminhada e continuámos durante algum tempo a sentir picar e de vez em quando lá vinha um. Não fosse termos ido um bocado já tarde pescar em relação à maré, julgo que o resultado teria sido mais positivo, porque depois de começar a vazar, o peixe deixou de colaborar mas ainda assim o resultado foi bom por que ainda sairam peixes de 600gr.





Ontem ainda fomos experimentar um bocado, mas o vento soprava com bastante intensidade e era muito dificil pescar naquelas condições, ainda tirámos algum peixe, mas nada de especial.

Apesar de tudo foram dias muito bem passados, porque a pesca não é só apanhar peixe, serve também como escape á rotina do dia-a-dia.

Um abraço e até breve.

3 comentários

Pedro batalha 04/11/08, 19:43

Olá Américo
Ainda bem que já deram um ar, quero ver se este ano faço uma trip até aos teus lados.

Abraço

Américo Neves 04/11/08, 20:50
Este comentário foi removido pelo autor.
Américo Neves 04/11/08, 20:53

Boas Pedro

Vem sim, que este ano parece que promete e quando vieres, dá uma apitadela, pode ser eu te faça companhia.

Um abraço